[Vídeo] Don’t Think Twice, It’s Alright – Uma Genealogia

dylan

Recebi na semana passada um email do musicólogo Steven Rings, PhD em Música e Diretor da Faculdade de Música de Chicago. No email, ele mandou o link abaixo do vídeo. No momento que eu vi do que se tratava, já fiquei muito curioso. É interessante ver a análise acadêmica e muito bem embasada de Steve sobre a obra de Bob Dylan. Neste último trabalho, ele se debruçou sobre as diversas origens, conscientes ou não, da canção “Don’t Think Twice, It’s Alright”.

“Don’t Think Twice, It’s Alright – A Genealogy” é uma palestra sobre às vozes ecoantes por trás da música. Steven começa por desconstruir uma parte da lenda por trás da obra: que Dylan teria roubado a melodia de Paul Clayton. De fato há similaridades óbvias, mas outro fato é que o próprio Clayton se apropriou de melodias e abordagens de músicas ainda mais antigas.

Don't_Think_Twice,_It's_All_Right_Dylan_label

Depois, Rings faz uma série de ligações curiosas e intrigantes, conectando a harmonia de “Don’t Think Twice” com vários estilos, como country, folk e até doo-wop.

A apresentação é em inglês, mas até mesmo para quem não é tão íntimo do idioma pode ser uma boa diversão. É interessante notar a construção do argumento de Rings e como ele mostra o passo-a-passo para defender a grandiosidade, amplitude e experiência que é apreciar a canção dylanesca.

Boa viagem (clique na imagem abaixo para acessar o vídeo).

Clique na imagem para ver o vídeo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *